• PT
  • EN
  • FR

Os atletas Nelson Cruz e Sandra Teixeira participam, no próximo domingo, 03 de dezembro na 36º edição da Meia Maratona de Macau, prova que tem destacado vários atletas do arquipélago ao longo de mais de sete participações consecutivas.

Os dois atletas residentes em Portugal estarão acompanhados da técnica da Federação Cabo-verdiana de Atletismo, Glenda Aguilar, que parte já esta quarta-feira para Lisboa, onde tomarão juntos rumo à Macau.

Sandra Teixeira é vencedora das edições 2015 e 2016 da prova de São Silvestre da Praia e Nelson Cruz vice-campeão de São Silvestre no último ano, ganhou o campeonato de Portugal de corta mato no ano transacto.

Quanto às prestações dos atletas cabo-verdianos na prova, no ano passado Ruben Sança (EUA) e Crisolita Rodrigues (São Vicente) fizeram uma grande participação, trazendo a medalha de prata nas suas categorias.

Esta participação conta com o apoio do Comité Olímpico Cabo-verdiano, que recebeu diretamente o convite para a prova do seu homólogo Chinês.

 

O Comité Olímpico Cabo-verdiano informa que estão abertas as candidaturas para o International Coaching Course (ICC) 2018, realizada de 19 março de 2018 a 08 junho do mesmo ano, em Budapeste - Hungria.

Este curso conta com a colaboração da Solidariedade Olímpica, e é um centro especializado para as modalidades de Badmintom, Esgrima, Futebol, Andebol, Judo, Natação, Ténis de Mesa, Atletismo e Voleibol.

São admitidos neste curso: treinadores, treinadores físicos e diretores técnicos.

Condições para inscrição:

- Ser um treinador referenciado por uma Federação Desportiva nacional inserida no Programa Olímpico Tokyo2020 – CARTA DE CONFORTO OBRIGATÓRIA

- Domínio Oral e Escrito de Inglês

- Curriculum de carreira desportiva em Inglês com os diplomas que achar pertinentes

- Cópia de Passaporte.

Conteúdo da Bolsa:

- Alojamento

- Propina do Curso

- Viagem de ida e volta em classe económica na rota mais directa

- Ajudas de Custo fornecidas pelo ICC

DATA LIMITE DE INSCRIÇÃO ATÉ: 15 de Janeiro de 2018

Inscrições através deste link: http://icc2018.coc.cv

Para informações entre neste link:

http://english.tf.hu/future-s…/international-coaching-course

Cinco atletas cabo-verdianos de judo estarão em competição desde hoje, sexta-feira, 17, até amanhã sábado, na Holanda e no Senegal. São eles Djamila Silva, Sandra Borges, Magner Mendes, Wilson Teixeira e Nuno Miguel Silva.

Djamila Correia e Silva na categoria -52kg e Sandra Borges na categoria -57 kg, entrarão no tatami, hoje, para defrontar a Portugal e a Polónia, respetivamente, no Open de Hague – Holanda.

Já os rapazes partiram da cidade da Praia, ontem, para representar Cabo Verde no Open Dakar. Magner Mendes (66 kg), Nuno Miguel Silva (60 kg) e Wilson Patrick Teixeira (81kg) são os atletas selecionados para mais este desafio.

De ressalvar que os referidos atletas tem estado em competição constantemente, e têm trazido bons resultados em suas participações.

O Comité Olímpico Cabo-verdiano recebeu, hoje 20 de novembro a visita da direção da Federação Cabo-verdiana de Natação, fundada no passado dia 11 de Novembro e presidida por Avelino Bonifácio.

Esta visita serviu para conhecer os projetos que o COC poderá colocar ao serviço da Federação, que ainda terá de se filhar a instituição Olímpica para usufruir desses programas.

Na ocasião Filomena Fortes, presidente do COC, mostrou-se contente pela iniciativa do grupo em fundar mais uma federação nacional, e deixou as portas abertas para a filhação da referida federação.

De referir que a natação é uma das modalidades obrigatórias para todos os países nos Jogos Olímpicos, na mesma medida que o atletismo, sendo que Cabo Verde nunca recebeu um “Wild card” (convite) pelo fato de nunca ter havido uma Federação no país.

A ilha de São Vicente irá acolher o primeiro Fórum Nacional da Academia Olímpica de Cabo Verde (AOC), no próximo dia 10 de Novembro, pelas 17:30, no auditório do Centro de Estágios da Federação Cabo-verdiana de Futebol.

Com temas em torno da educação olimpica e ética no desporto, este Fórum pretende dar aos participantes, uma visão clara de qual o papel da Academia Olímpica em Cabo Verde e falar de questões pertinentes a volta do Olímpismo.

O evento traz três oradores ao palco, Carlos Rocha que irá fazer uma apresentação sobre “O papel do Olimpismo no desenvolvimento do Desporto em Cabo Verde”, Orlando Mascarenhas presidente da Comissão de ética desportiva do COC, que fará a sua explanação em torno da “Ética e Educação Olímpica”, e para terminar Maísa Salazar, membro da Comissão de Ética do COC, com o tema “A Mulher e a Ética no Desporto”.

Todas estas apresentações terão espaço para debate, que será moderado pelo jornalista Luís Cardoso da Silva.

A Academia Olímpica de Cabo Verde foi fundada em 2015 e desde então tem trabalhado na divulgação do olimpismo nas diversas esferas da sociedade.