• PT
  • EN
  • FR

A ilha do Sal vai acolher de 12 a 14 de outubro, o 34º Seminário de Secretários-gerais da Associação de Comités Olímpicos Nacionais Africanos (ACNOA), que pretende dar directrizes a estes membros, sobre a Agenda 2020 do Comité Olímpico Internacional.

Este será o primeiro evento desta envergadura que esta organização realiza em Cabo Verde, trazendo cerca de 54 secretários-gerais e convidados dos Comités Olímpicos de toda a África, para debater questões importantes da gestão e direcionamento destas instituições olímpicas, chegando a estar presentes mais 100 delegados.

"Plano 2020: Fases; planeamento, organização, implementação, coordenação e autoavaliação" é o lema deste evento, que terá lugar no hotel Belohorizonte - Sal.

Neste seminário de grande importância estarão presentes representantes da Solidariedade Olímpica, Comités Olímpicos Nacionais, Comité Olímpico Internacional e o Presidente da ACNOA, Lassana Palenfo, que em janeiro deste ano esteve no país para inteirar-se das condições de Cabo Verde em acolher os Jogos Africanos de praia 2019, cuja organização já está assegurada.

O Seminário de Secretários gerais da ACNOA acontece anualmente, e em 2016, São Tomé e Príncipe passou o testemunho para Cabo Verde.

Será uma grande oportunidade de Cabo Verde apresentar-se como um país exemplo para toda a África e afirmar-se como uma plataforma para a realização de eventos deste tipo.

A sessão de abertura terá lugar às 09:00 horas do dia 12 de Outubro na sala de conferências, e contará com a presença do Primeiro-Ministro, Ulisses Correia e Silva, do Ministro do Desporto, Fernando Elísio Freire, da Presidente do Comité Olímpico Cabo-verdiano Filomena Fortes, bem como representantes das Federações Desportivas do país.